Utilizamos cookies próprios e de terceiros para disponibilizar os nossos serviços e recolher informação estatística. Se continuar a navegar no Site, aceita a sua instalação e a sua utilização. Pode alterar a configuração ou obter mais informação sobre a nossa política de cookies.

Áreas
Menu
pt

Insectos

As picadas de insectos como a abelha, a vespa e o vespão podem produzir reacções locais com ruborização e dor no ponto da picada.

Algumas pessoas podem desenvolver uma reacção alérgica quando o seu sistema imunológico reage ao veneno. A probabilidade de desenvolver reacções alérgicas aumenta com o número total de picadas que uma pessoa recebe. Se a picada for de abelha pode tratar-se extraindo o ferrão. Deste modo, reduz-se a quantidade de veneno injectado.

No caso de reacção local, há que aplicar gelo e administrar um anti-histamínico. No caso de reacção geral num indivíduo sensibilizado é necessária a administração de adrenalina.

Todos os doentes com alergia ao veneno de abelha e de vespa devem estar treinados no uso da adrenalina auto-injectável e levá-la sempre consigo para evitar a anafilaxia. Neste tipo de alergia, a imunoterapia é o único tratamento eficaz para a prevenção de anafilaxia induzida por picadas de insectos.